CATEQUESE LITURGICA
NOTICIAS E EVENTOS
APOSTILA/ARTIGO
CANTOS-MISSA
A PRÁTICA
BIBLIA E CATECISMO
DICAS/CURIOSIDADES
DINÂMICAS
DOCUMENTOS
FORMAÇÃO- PAROQUIA
LIVROS
LITURGIA E HOMÍLIA
PALESTRAS
PARÁBOLAS/ ESTÓRIAS
SORTEIOS
VÍDEOS CATEQUESE
VÍDEOS LITURGIA
VÍDEOS ENGRAÇADOS
NOSSO BATE PAPO
PARCEIROS
SITES LEGAIS
LIVRO DE VISITAS
MATERIAL ESPECIAL
Fale conosco


15 DICAS PARA CANTORES E MÚSICOS CATÓLICOS

  1. Alegre-se pelo seu chamado
  2. Conheça o que vai ser celebrado
  3. Conheça a assembléia
  4. Selecione bem as músicas
  5. Determine a altura correta dos acordes
  6. Prepare-se com antecedência
  7. Regule adequadamente o som dos instrumentos e aparelhos
  8. Ensaie muito
  9. Ensaie as músicas com a assembléia
  10. Não cante mais que o necessário
  11. Busque a sintonia com o presidente da celebração
  12. Participe ativamente
  13. Seja responsável
  14. Dê testemunho
  15. Ore para que tudo de certo

Tópicos do livro “ 15 Dicas para cantores e músicos católicos” de Rodnei Rivers
www.palestrascatolicas.com.br

 

CANTO E MÚSICA

1156. «A tradição musical da Igreja universal criou um tesouro de inestimável valor, que excede todas as outras expressões de arte, sobretudo porque o canto sagrado, intimamente unido com o texto, constitui parte necessária ou integrante da liturgia solene» (24). A composição e o canto dos salmos inspirados, muitas vezes acompanhados por instrumentos musicais, estavam já estreitamente ligados às celebrações litúrgicas da Antiga Aliança. A Igreja continua e desenvolve esta tradição: «Recitai entre vós salmos, hinos e cânticos inspirados, cantai e louvai ao Senhor no vosso coração»(Ef 5,19) (25). Quem canta, reza duas vezes (26).

1157. O canto e a música desempenham a sua função de sinais, dum modo tanto mais significativo, quanto «mais intimamente estiverem unidos à acção litúrgica» (27),, segundo três critérios principais: a beleza expressiva da oração, a participação unânime da assembleia nos momentos previstos e o carácter solene da celebração. Participam, assim, na finalidade das palavras e das acções litúrgicas: a glória de Deus e a santificação dos fiéis (28).

«Como eu chorei ao ouvir os vossos hinos, os vossos cânticos, as suaves harmonias que ecoavam pela vossa igreja! Que emoção me causavam! Passavam pelos meus ouvidos, derramando a verdade no meu coração. Um grande impulso de piedade me elevava, e as lágrimas rolavam-me pela face; mas faziam-me bem» (29).

1158. A harmonia dos sinais (canto, música, palavras e acções) é aqui tanto mais expressiva e fecunda quanto mais se exprimir na riqueza cultural própria do Povo de Deus que celebra (30). Por isso, «promova-se com empenho o canto religioso popular para que, tanto nos exercícios piedosos e sagrados como nas próprias acções litúrgicas», de acordo com as normas da Igreja, «ressoem as vozes dos fiéis» (31). Mas «os textos destinados ao canto sacro devem estar de acordo com a doutrina católica e inspirar-se sobretudo na Sagrada Escritura e nas fontes litúrgicas» (32).


PARTICIPE.
ENVIE SUAS SUGESTÕES DE CANTOS E COMPOSIÇÕES
 
CANTO DE ENTRADA
 

Agora é tempo

 

 

Agora  é  tempo    de ser Igreja,/ Caminhar juntos, participar.

 

1.  Somos povo escolhido/ E na fronte assinalados/ Com o nome do Senhor/ Que caminha  ao nosso lado.

2. Somos povo em missão./ Já é tempo de partir./ É o Senhor que nos envia, / Em seu nome a servir.

3. Somos povo esperança. / Vamos juntos planejar:/ Ser Igreja a  serviço / E a fé           testemunhar.

4. Somos povo a caminho / Construindo em mutirão / Nova terra, Novo Reino / De fraterna comunhão.

 

 

TE AMAREI

Me chamaste para caminhar na vida contigo,

decidi para sempre segui-te, não voltar atrás.

Me puseste uma brasa no peito e uma flecha

na alma, é difícil agora viver sem

lembrar-me de Ti.

Te amarei, Senhor (bis),  eu só encontro

a paz e a alegria bem perto de Ti (2x)

Eu pensei muitas vezes parar e não dar nem resposta. Eu pensei na fuga esconder-me, ir longe de Ti, mas Tua força venceu e ao final

eu fiquei seduzido. É difícil agora viver sem saudades de Ti.

Ó Jesus, não me deixes jamais caminhar solitário, pois conheces a minha fraqueza

e o meu coração.

Vem ensina-me a viver a vida na Tua

presença, no amor dos irmãos, na alegria,na paz, na união.

 

CRISTO RESSUSCITOU

Cristo ressuscitou, Aleluia!

Venceu a morte com amor (2x) Aleluia!

Tendo vencido a morte, o Senhor

ficará para sempre entre nós.

Para manter viva a chama do amor que

reside, em cada cristão, a caminho do Pai.

Tendo vencido a morte, o Senhor

nos abriu horizonte feliz.

Pois nosso peregrinar, pela face do

mundo terá seu final, na morada do Pai.

 

 

O PROFETA (Jer. 7)

Antes que te formasse dentro do ventre de tua mãe. Antes que tu nascesses, te conheci e ti consagrei.

Para ser Meu profeta dentre as nações eu ti escolhi.

Irás onde ti envio e o que Eu mando proclamarás.

Tenho de gritar, tenho de arriscar,

ai de mim se não o faço! Como escapar de Ti?

 

Como não falar se Tua voz me queima dentro? Tenho de andar, tenho de lutar,

ai de mim se não o faço! Como escapar de Ti? Como não falar? Se Tua voz arde em meu peito.

Não temas arriscar-te porque contigo Eu estarei.
Não temas anunciar-me: por tua boca Eu falarei.

Te entrego hoje meu povo,

para arrancar e derrubar, para edificar, destruirás e plantarás.

Deixa os teus irmãos, deixa teu pai e tua mãe. Abandona tua casa porque a terra gritando está. Nada tragas contigo, porque a teu lado

Eu estarei: é hora de lutar porque Meu povo sofrendo está.

 

 

 

NATAL É CONVERSÃO

Chegou a hora de sonhar de novo, de tornar-se povo e se fazer irmão.

chegou a hora que ligeiro passa de ganhar a graça para a conversão.

Meu caro irmão, olha pra dentro do teu

coração, vê se o natal se tornou conversão

e te ensinou a viver...

Chegou a hora de viver o Cristo e acreditar que isto é se tornar maior.

Chegou a hora de pensar profundo e perceber que o mundo pode ser melhor.

 

Eu confio em nosso Senhor

Eu confio em nosso Senhor com fé, esperança e amor.  Eu confio em

Nosso  Senhor com fé, esperança e amor.

 

1. A meu Deus fiel sempre serei,/ Eu confio em nosso Senhor./ Seus preceitos, oh, sim,

    cumprirei,/ Com fé, esperança e amor.

2. Venha embora qualquer tentação,/ Eu confio em nosso Senhor./ Mostrarei que sou sempre cristão,/ Com fé, esperança e amor.

3. Com as armas da fé lutarei;/ Eu confio em nosso Senhor./ Nessa luta, por Deus vencerei/ Com fé, esperança e amor.

4. Os fracassos não hei de temer/ Eu confio em nosso Senhor./ Pois com Deus hei de sempre vencer,/ Com fé, esperança, e amor.

5. Em perigo, aflição ou em dor/ Eu confio em nosso Senhor./ Chamarei a meu Deus com fervor,/ Com fé, esperança e amor.

6. E depois d`uma vida com Deus,/ Eu confio em nosso Senhor./ Eu espero partir para os céus/ Com fé, esperança e amor.

 

 

Eu venho do Sul e do Norte                                                 

1. Eu venho do Sul e do Norte, do Oeste, do Leste, de todo lugar:/ Estradas da vida eu percorro, levando socorro a quem precisar./ Assunto de paz é meu forte./ Eu cruzo montanhas mas vou aprender./ O mundo não me satisfaz./ O que eu quero é a paz./ O que eu quero é viver.

           

No peito eu levo uma cruz./ No meu coração, o que disse Jesus.:/

 

2. Eu sei que eu não tenho a idade da maturidade de quem já viveu./ Mas eu sei que já tenho a idade de ver a verdade./ O que eu quero é ser eu./ O mundo ferido e cansado de um negro passado, de guerras sem fim,/ Tem medo da bomba que fez e da fé que desfez, mas aponta pra mim.

 

 

 

Senhor, se tu me chamas

Refr.: Senhor, se tu me chamas,/ Eu quero te ouvir;/ Se queres que eu te siga/ Respondo: `Eis-me aqui`.  ( bis )

                       

1. Profetas te ouviram e seguiram tua voz;/ Andaram mundo afora e pregaram sem temor./ Seus passos tu firmaste sustentando seu vigor./ Profeta tu me chamas: Vê, Senhor, aqui  estou.

2 - Nos passos do teu Filho toda a Igreja também vai,/ Seguindo teu chamado de ser santo qual Jesus./ Apóstolos e mártires se deram sem medir;/ Apóstolo me chamas: Vè, Senhor, estou aqui.

3. Os séculos passaram, não passou porém tua voz/ Que chama ainda hoje, que convida a te seguir./ Há homens e mulheres que se amam mais que a si./ E dizem com firmeza: Vê, Senhor, estou aqui.

 

Um dia escutei teu chamado

 

1. Um dia escutei teu chamado, divino recado, batendo no coração. Deixei desta vida as promessas e fui bem depressa no rumo da tua mão.

                            

Tu és a razão da jornada, tu és minha estrada, meu guia e meu fim. No

grito que vem do meu povo te escuto de novo chamando por mim.

 

2. Os anos passaram ligeiro, me fiz um obreiro no reino de paz e amor. Nos mares do mundo navego e às redes me entrego, tornei-me teu pescador.

 

3. Embora tão fraco e pequeno, caminho sereno com a força que vem de ti. A cada momento que passa, revivo esta graça de ser teu sinal aqui.

 

CRISTO RESSUSCITOU

Cristo ressuscitou, Aleluia!

Venceu a morte com amor (2x) Aleluia!

Tendo vencido a morte, o Senhor

ficará para sempre entre nós.

Para manter viva a chama do amor que

reside, em cada cristão, a caminho do Pai.

Tendo vencido a morte, o Senhor

nos abriu horizonte feliz.

Pois nosso peregrinar, pela face do

mundo terá seu final, na morada do Pai.

 

Novo sol brilhou

 

1– Novo sol brilhou, a vida superou, sofrimento, dor e morte tudo enfim, nosso olhar se abriu, Deus mesmo se incumbiu , de tomar-nos pela mão assim.

O DEUS DE AMOR, JAMAIS SE DESCUIDOU , EM SEU VIGOR, JESUS RESSUSCITOU (BIS)

2 – Estender a mão, abrir o coração, acolher, compartilhar e perdoar, é fazer o céu cumprir o seu papel, já na terra tem que vigorar.

 

NÓS CREMOS NA VIDA ETERNA

 

1 – A vida pra quem acredita, não é passageira ilusão, e a morte se torna bendita, porque é nossa libertação

 

NÓS CREMOS NA VIDA ETERNA E NA FELIZ RESSURREIÇÃO, QUANDO DE VOLTA A CASA PATERNA COM O PAI OS FILHOS SE ENCONTRARÃO.

2 – No céu não haverá tristeza, doença, nem sombra de dor, e prêmio da fé é a certeza, de viver feliz com o Senhor.

3 – O Cristo será neste dia, a luz que já de em todos brilhar, a ele imortal melodia,

os eleitos hão de entoar.

 

Ressuscitou

Ressuscitou 3x Aleluia

Oh morte
Onde está, oh morte
A tua vitória
Jesus ressuscitou

Ressuscitou 3x Aleluia

Venceu a morte
Venceu o mal
Venceu as trevas
Jesus ressuscitou


ATO PENITENCIAL
 
1. Senhor, que viestes salvar os corações arrependidos:
Piedade, piedade, piedade de nós! (bis)
2. Ó Cristo, que viestes chamar os pecadores humilhados: Piedade, piedade, piedade de nós!
3. Senhor, que intercedeis por nós junto a Deus Pai que nos perdoa: Piedade, piedade, piedade de nós!

 
SENHOR TENDE PIEDADE DE NÓS
CRISTO TENDE PIEDADE DE NÓS
SENHOR TENDE PIEDADE DE NÓS
 
 
 

HINO DE LOUVOR
 
Glória a Deus nas alturas
E paz na terra aos homens por Ele amados
Senhor Deus, Rei dos céus, Deus Pai todo poderoso
Nós vos louvamos
Nós vos bendizemos
Nós vos adoramos
Nós vos glorificamos
Nós vos damos graças, por vossa imensa glória.
Senhor Jesus Cristo, Filho Unigênito
Senhor Deus, Cordeiro de Deus, Filho de Deus Pai
Vós que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós
Vós que tirais o pecado do mundo
Acolhei a nossa súplica
Vós que estais à direita do Pai
Tende piedade de nós
Só vós sois Santo
Só vós sois o Senhor
Só vós o Altíssimo, Jesus Cristo
Com o Espírito Santo
na glória de Deus Pai. Amém!
ACLAMAÇÃO
 
ALELUIA, ALELUIA, ALELUIA
 
SEGUIDO DO TEXTO PARA CADA DIA DA LITURGIA

OFERTÓRIO
 
 

 

DO CÉU VAI DESCER O CORDEIRO

 

 

1. Do céu vai descer o Cordeiro! É dom, puro dom, salvação! No altar do penhor verdadeiro, também vamos ser oblação.

Eis, Senhor, a Tua vinha. Frutos mil Te traz, Senhor. Mas Teu povo que caminha, mais que fruto é dom de amor!

2. Na terra já brota a esperança, e a graça de Deus vem dizer. Que o povo da Nova Aliança também oferenda vai ser.

3. Irmãos na fé viva,exultantes partilham o pão sempre mais. E campos já mais verdejantes também já se tornam trigais!

 

 

A NOSSA OFERTA APRESENTAMOS

Refrão: A nossa oferta apresentamos no altar e te pedimos: Vem, Senhor, nos libertar!

1. A chuva molhou a terra, o homem plantou um grão, a planta deu flor e fruto, do trigo se fez o pão.

2. O homem plantou videiras, cercou-as com seu carinho. Da vinha brotou a uva, da uva se fez o vinho.

3. Os frutos da nossa terra e as lutas dos filhos teus, serão, pela tua graça, pão vivo, que vem dos céus.

4. Recebe, Pai, nossas vidas, unidas ao pão e vinho e vem conduzir teu povo, guiando-o no teu caminho.


PÃO E VINHO APRESENTAMOS

Música: Pe. José Weber

Pão e Vinho apresentamos com louvor.

E pedimos: o Teu reino! Vem Senhor! (bis)

1. Pão e vinho repartimos entre irmãos. São o laço da unidade do teu povo.

Nossas vidas são também pequenos grãos, que contigo vão formar o homem novo.

2. Eis aqui a nossa luta, dia a dia, pra ganhar com trabalho nosso pão. Mas tu és o alimento da alegria, que nos pobres fortalece o coração.

3. Vem, Senhor, vem caminhar à nossa frente. Vem conosco toda a terra transformar. No mundo libertado e transparente, os irmãos à mesma mesa vão sentar.

 

 

 

 


 

SOBE A JERUSALÉM

 

1. Sobe a Jerusalém, Virgem oferente sem igual. Vai, apresenta ao Pai teu Menino: Luz que chegou no Natal. E, junto à sua cruz, quando Deus morrer fica de pé. Sim, Ele te salvou, mas O ofereceste por nós com toda a fé.

2. Nós vamos renovar este Sacrifício de Jesus: Morte e Ressurreição; vida que brotou de sua oferta na Cruz. Mãe vem nos ensinar a fazer da vida uma oblação: Culto agradável a Deus é

 

 

1. Sê bendito, Senhor, para sempre pelos frutos das nossas jornadas! Repartidos na mesa do Reino, anunciam a paz almejada!

Ref.: Senhor da vida, Tu és a nossa salvação! Ao prepararmos a tua mesa, em ti buscamos ressurreição!

2. Sê bendito, Senhor, para sempre pelos mares, os rios e as fontes! Nos recordam a tua justiça, que nos leva a um novo horizonte!

3. Sê bendito, Senhor, para sempre pelas bênçãos qual chuva torrente! Tu fecundas o chão desta vida que abriga uma nova semente!

 

 

 

TODO POVO SOFREDOR

TODO POVO SOFREDOR O SEU PRANTO ESQUECERÁ, POIS O QUE PLANTOU NA DOR, NA ALEGRIA COLHERÁ. (BIS)

1 - Libertar do cativeiro fez-se sonho verdadeiro, sonho de libertação. Ao voltarem os exilados, Deus trazendo os deportados, libertados pra Sião!

2 - Nós ficamos tão felizes, nossa boca foi sorrisos, nossos lábios só canções! Nós vibramos de alegria: “O Senhor fez maravilhas”, publicaram as nações!

3 - Ó Senhor, Deus poderoso, não esqueçais o vosso povo a sofrer na escravidão. Nos livrai do cativeiro, qual chuvada de janeiro alagando o sertão.

4 - Semeando na agonia, espalhando cada dia a semente do amanhã, a colheita é uma alegria, muito canto e euforia: é fartura, é Canaã.

 

Bendito és tu, ó Deus criador

1-Bendito és tu, ó Deus criador,/ Revestes o mundo da mais fina flor;/ Restauras o fraco que a ti se confia/ E junto aos irmãos, em paz, o envias.

Ó, Deus do universo, és Pai e Senhor,/ Por tua bondade recebe o louvor!

2-Bendito és tu, ó Deus Criador,/ Por quem Aprendeu o gesto de amor:/ Colher a fartura e ter a beleza/ de ser a partilha dos frutos na mesa!

3-Bendito és tu, ó Deus criador,/ Fecundas a terra com vida e amor!/ A quem aguradva um canto de festa,/ A mesa promete eterna seresta!

 


 

 

EM PROCISSÃO VÃO O PÃO E O VINHO

Em procissão vão o pão e o vinho.
Acompanhados de nossa devoção.
Pois simbolizam aquilo que ofertamos:
Nossa vida e o nosso coração.

Ao celebrar nossa páscoa e ao vos trazer nossa oferta. Fazei de nós, ó Deus de amor, imitadores do Redentor.

 A nossa igreja que é mãe deseja,
que a consciência do gesto de ofertar,
Se atualize durante toda a vida,
como o Cristo se imola sobre o altar.

Eucaristia é sacrifício,
aquele mesmo que Cristo ofereceu.
O mundo e homem serão reconduzidos,
para a nova aliança com seu Deus.

O pão e o vinho serão em breve,
o corpo e o sangue do Cristo Salvador.
Tal alimento nos une num só corpo,
para a glória de Deus e Seu louvor.

 

VÊ COM BONS OLHOS

 

1 – Bendito sejas, ó Rei da glória!/ Ressuscitado, Senhor da Igreja!/ Aqui trazemos as nossas ofertas.

VÊ COM BONS OLHOS NOSSAS HUMILDES OFERTAS./ TUDO O QUE TEMOS SEJA PARA TI, Ó SENHOR!

2 – Vidas se encontram no altar de Deus,/ gente se doa, dom que se imola./ Aqui trazemos as nossas ofertas.

3 – Irmãos da terra, irmãos do céu,/ juntos cantemos glória ao Senhor./ Aqui trazemos as nossas ofertas.

 

EU CREIO NUM MUNDO NOVO

 

EU CREIO NUM MUNDO NOVO, POIS CRISTO RESSUSCITOU! EU VEJO SUA LUZ NO POVO, POR ISSO ALEGRE ESTOU.

1 – Em toda pequena oferta, na força da união, no pobre que se liberta, eu vejo ressurreição.

2 – Na mão que foi estendida, no dom da libertação, nascendo uma nova vida, eu vejo ressurreição.

3 – Nas flores oferecidas e quando se dá perdão, nas dores compadecidas, eu vejo ressurreição.

4 – Nos homens que estão unidos com outros, partindo o pão, nos fracos fortalecidos, eu vejo ressurreição.

 

 

MINHA VIDA TEM SENTIDO

Minha vida tem sentido, cada vez que eu venho aqui. E Te faço o meu pedido, de não me esquecer de Ti.

Meu amor é como este pão, que era trigo,
que alguém plantou, depois colheu.
E depois, tornou-se salvação
e deu mais vida e alimentou o povo Meu.

 Eu te ofereço vinho e pão,
Eu te ofereço o Meu amor. (2x)

 Meu amor é como este vinho,
que era fruto, que alguém plantou, depois colheu.
E depois encheu-se de carinho
e deu mais vida, e saciou o povo Meu.

Um coração para amar, pra perdoar e sentir
para chorar e sorrir ao me criar tu me destes
um coração pra sonhar, inquieto e sempre a bater
ansioso por entender as coisas que tu disseste

eis o que eu venho te dar 
eis o que eu ponho no altar
toma senhor que ele é teu 
meu coração não é meu

Quero que o meu coração, seja tão cheio de paz
que não se sinta capaz, de sentir ódio ou rancor
quero que a minha oração, possa me amadurecer
leve-me a compreender as consequencias do amor

eis o que eu venho te dar 
eis o que eu ponho no altar
toma senhor que ele é teu 
meu coração não é meu


Cada vez que eu venho

1. Cada vez que eu venho para te falar, na verdade eu venho para te escutar. /:Fala-me da vida, preciso te escutar. Fala da verdade que vai me libertar:/.

2. Cada vez que eu venho para oferecer, na verdade eu venho para receber. /:Dá-me o pão da vida, que vai me alimentar. Dá-me a água viva, que vai me saciar:/

 


 

É prova de amor

É prova de amor junto à mesa partilhar. É sinal de humildade nossos dons apresentar.

Ref.: Acolhei as oferendas deste vinho e deste pão, e o nosso coração também! Senhor, que vos doastes totalmente por amor,

fazei de nós o que convém!

2. Quem vive para si empobrece o seu viver; quem doar a própria vida, vida nova há de colher.

3. Ofertar é bem servir, por amor ao nosso irmão. É reunir-se nesta mesa, e celebrar a redenção.

 

 

Ofertas singelas

 

1. Ofertas singelas: pão e vinho, sobre a mesa colocamos. Sinal do trabalho que fizemos e aqui depositamos.

Ref.: É teu também nosso coração. /:Aceita, Senhor, a nossa oferta que será, depois na certa o teu próprio ser.:/

2. Recebe, Senhor, da natureza todo o fruto que colhemos. Recebe o louvor de nossas obras e o progresso que fizemos.

3. Sabemos que tudo tem valor depois que a terra visitaste. Embora tivéssemos pecado,

foi bem mais o que pagaste.

 

 

Nesta prece

 

Ref.: Nesta prece, Senhor, venho te oferecer, o crepitar da chama, a certeza de dar.

1. Eu te ofereço o sol que brilha forte, te ofereço a dor do meu irmão! A fé na esperança e o meu amor!

2. Eu te ofereço as mãos que estão abertas. O cansaço do passo mantido. Meu grito mais forte de louvor!

3. Eu te ofereço o que vi de belo no interior dos corações, a coragem de me transformar!

 


 

OFERTAS DE BÊNÇÃO

Quando o trigo amadurece,/ e do sol recebe a cor./ Quando a uva se torna prece,/ na oferta do nosso amor.

DAMOS GRAÇAS PELA VIDA, DERRAMADA NESTE CHÃO, POIS ÉS TU Ó DEUS DA VIDA, QUEM DÁ VIDA A CRIAÇÃO (BIS)

Os presentes da natureza,/ o amor do coração./ O teu povo canta a certeza,/ traz a vida em procissão.

ABENÇOA NOSSA VIDA, O TRABALHO REDENTOR, AS COLHEITAS REPARTIDAS, PARA CELEBRAR O AMOR. (BIS)

 

 

Muitos grãos de trigo

 

1 - Muitos grãos de trigo se tornaram pão; hoje são teu corpo, ceia e comunhão. Muitos grãos de trigo se tornaram pão.

TOMA, SENHOR, NOSSA VIDA EM AÇÃO, PARA MUDÁ-LA EM FRUTO E MISSÃO. TOMA, SENHOR, NOSSA VIDA EM AÇÃO, PARA MUDÁ-LA EM MISSÃO.

2 - Muitos cachos de uva se tornaram vinho; hoje são teu sangue, força no caminho. Muitos cachos de uva se tornaram vinho.

3 - Muitas são as vidas feitas vocação, hoje oferecidas em consagração. Muitas são as vidas feitas vocação.

 

 

VENHO, SENHOR, OFERECER

Venho, Senhor, oferecer, com esse vinho e esse pão. Tudo o que existe em meu ser, tudo o que há em meu coração. Vejo agora em Teu altar, essa oferta de Amor. Quero também Te consagrar toda a minha vida, Senhor!

E QUANDO ESTE PÃO FOR LEVANTADO E JUNTO COM O VINHO CONSAGRADO, TAMBÉM AS MINHAS MÃOS A TI LEVANTAREI.... ENTOAREI LOUVORES AO MEU REI.

 

 

DE MÃOS ESTENDIDAS OFERTAMOS O QUE DE GRAÇA RECEBEMOS. (2X)

1 – A natureza tão bela que é louvor, que é serviço./ O sol que ilumina as trevas, transformando-as em luz./ O dia que nos traz o pão, e a noite que nos dá repouso./ Ofertamos ao Senhor, o louvor da criação.

2 – Nossa vida toda inteira, ofertamos ao Senhor./ Como prova de amizade, como prova de amor./ Com o vinho, com o pão, ofertamos ao Senhor./ Nossa vida toda inteira, o louvor da criação.

 

Meu coração é para ti…

Meu coração é para Ti Senhor, meu coração é para Ti Senhor,
Meu coração é para Ti Senhor, meu coração é para Ti.

Porque Tu me deste a vida, porque Tu me deste o existir,
Porque Tu me deste o carinho, me deste o amor.
Porque Tu me deste a vida, porque Tu me deste o existir,
Porque Tu me deste o carinho, me deste o amor.

Pão e vinho são pra Ti…

A minha vida é para Ti…

Meu coração é para Ti…

 

 

SANTO

 

 

Original (latim) Tradução
Sanctus, Sanctus, Sanctus

Dominus, Deus Sabaoth
Pleni sunt cæli et terra gloria tua
Hosanna, in excelsis

Santo, Santo, Santo

Senhor Deus do Universo
O Céu e a Terra proclamam a Vossa glória.
Hossana nas alturas


CORDEIRO
 
 

Agnus Dei, qui tollis peccata mundi, miserere nobis.
Agnus Dei, qui tollis peccata mundi, miserere nobis.
Agnus Dei, qui tollis peccata mundi, dona nobis pacem.

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós.
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós.
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, dai-nos a paz.

 
 
 
 
COMUNHÃO
 
 

VIGIAI, EU VOS DIGO (Comunhão)

Refrão: Vigiai, vigiai, eu vos digo, não sabeis qual o dia ou a hora. Vigiai, vigiai eu repito, eis que vem o Senhor em sua glória! (bis)

1. Foste amigo antigamente, desta terra que amaste, deste povo que escolheste; sua sorte melhoraste, perdoaste seus pecados, tua raiva acalmaste.

2. Vem de novo restaurar-nos! Sempre irado estarás, indignado contra nós? E a vida não darás? Salvação e alegria, outra vez não nos trarás?

3. Escutemos suas palavras é de paz que vai falar; paz ao povo, a seus fiéis, a quem dele se achegar. Está perto a salvação e a glória vai voltar.

4. Eis: amor, fidelidade, vão unidos se encontrar, bem assim, justiça e paz vão beijar-se, e se abraçar. Vai brotar fidelidade e justiça se mostrar.

5. E virão os benefícios, do Senhor a abençoar e os frutos de amor, desta terra vão brotar, a justiça diante dele e a paz o seguirá.

6. Glória ao Pai onipotente, ao que vem, glória e amor, ao Espírito cantemos: Glória a nosso Defensor! Ao Deus Uno e Trino demos, a alegria do louvor.

 

 

 

AS COLINAS VÃO SER ABAIXADAS

Letra: João de Araújo

Música: Ir. Míria T. Kolling

1. As colinas vão ser abaixadas, os caminhos vão ter mais fulgor. O Senhor quer as vidas ornadas para a festa da vida e do amor.

Vem, Senhor Vem salvar o teu povo, Deus conosco, Emanuel! Neste pão, um mundo novo, quer teu povo, Deus fiel!

2. Vão brotarem desertos mil fontes, que canteiros de paz vão regar. Também vidas sem luz de horizontes, na luz viva do céu vão brilhar.

3. Nosso Deus vem plantar a justiça, neste mundo de sonhos tão vãos. E banir para sempre a cobiça, que destrói sempre a vida de irmãos.

4. Não impérios de morte reinado, só gerando caminhos de dor. O Senhor quer a vida ostentando o troféu sempre eterno do amor.

5. A chegada de Deus aguardando, eis um povo em caminhos de luz! E com ele o Senhor caminhando, para a casa do Pai o conduz.

 

 

VEM, Ó SENHOR

Música: Pe. José Weber

Vem, ó Senhor, com o teu povo caminhar, teu corpo e sangue, vida e força vem nos dar.

1. A Boa Nova proclamai com alegria. Deus vem a nós, Ele nos salva e nos recria.

E o deserto vai florir e se alegrar. Da terra seca, flores, frutos vão brotar.

2. Eis nosso Deus, e Ele vem para salvar, com sua força vamos juntos caminhar e construir um mundo novo e libertado do egoísmo, da injustiça e do pecado.

3. Uma voz clama no deserto com vigor: Preparai hoje os caminhos do Senhor! Tirai do mundo a violência e a ambição, que não vos deixam ver, no outro, vosso irmão.

4. Distribuí os vossos bens com igualdade, fazei na terra germinar fraternidade. O Deus da vida marchará com o seu povo, e homens novos viverão num mundo novo.

5. Vem ó Senhor, ouve o clamor da tua gente, que luta e sofre, porém crê que estás presente. Não abandones os teus filhos, Deus fiel, porque teu Nome é Deus-Conosco Emanuel.

 

 

Ref.: “Eu vim para que todos tenham vida, que todos tenham vida plenamente”.

1. Reconstrói a tua vida em comunhão com teu Senhor; reconstrói a tua vida em comunhão com teu irmão: onde está o teu irmão, eu estou presente nele.

2. “Eu passei fazendo o bem, eu curei todos os males”. Hoje és minha presença junto a todo sofredor: onde sofre o teu irmão, eu estou sofrendo nele.

3. “Entreguei a minha vida pela salvação de todos”. Reconstrói, protege a vida de indefesos e inocentes: onde morre o teu irmão, eu estou morrendo nele.

4. “Vim buscar e vim salvar o que estava já perdido”. Busca, salva e reconduze a quem perdeu toda a esperança: onde salvas teu irmão, tu me estás salvando nele.

5. “Este pão, meu corpo e vida para a salvação do mundo”. É presença e alimento nesta santa comunhão: onde está o teu irmão, eu estou, também, com ele.

6. “Salvará a sua vida quem a perde, quem a doa”; “Eu não deixo perecer nenhum daqueles que são meus”; onde salvas teu irmão, tu me estás salvando nele.

7. “Da ovelha desgarrada eu me fiz o bom Pastor”; reconduze, acolhe e guia a quem de mim se extraviou: onde acolhes teu irmão, tu me acolhes, também, nele.

 

 

COMUNHÃO

RECONCILIAI-VOS COM DEUS/ EM NOME DE CRISTO ROGAMOS,/ QUE NÃO RECEBAIS EM VÃO/ SUA GRAÇA, SEU PERDÃO;/ EIS O TEMPO FAVORÁVEL,/ O DIA DA SALVAÇÃO!

1 - a.Quem tem sede, venha à fonte,/ quem tem fome, venha à mesa,/ vinho, trigo, leite e mel/ comereis, manjar do céu!

b. Vinde, vinde, e se me ouvirdes,/ vida nova vivereis,/ aliança nós faremos,/ minha promessas cumprirei!

2 - a. Um sinal de vós farei,/ das nações sereis o Guia,/ chamareis os que estão longe/ e virão todos um dia.

b. Ao Senhor vinde e buscai,/ pois se deixa encontrar,/ ao Senhor vinde, invocai,/ pois tão perto Ele está!

3 - a. O mau, deixe sua maldade,/ pecador, deixe seus planos,/ ao Senhor volte e verá/ o perdão de seus enganos.

b. Meu pensar não é o vosso,/ vosso agir não é o meu,/ tão distantes um do outro,/ quanto a terra está do céu!

4 - a. Como a chuva cai do céu/ e não volta sem molhar,/ sem encher de vida o chão,/ sem nos dar o trigo e o pão.

b. Assim faz minha Palavra,/ nunca volta a mim em vão,/ sem fazer minha vontade,/ sem cumprir sua missão!

 

 

QUANDO INVOCAR, EU ATENDEREI

 

QUANDO INVOCAR, EU ATENDEREI,/ NA AFLIÇÃO COM ELE ESTAREI;/ LIBERTAREI, GLORIFICAREI,/ MINHA SALVAÇÃO EU LHE MOSTRAREI!

1 - Tu que moras sob a sombra/ Do Senhor onipotente,/ Lhe dirás em confiança:/ “Meu refúgio, meu batente,/ só em ti é que eu confio!”/ E ele vem tão fielmente/ Te livrar do caçador/ E da peste inclemente.

2 - Vai cobrir-te com suas penas,/ Em suas asas tu te abrigas,/ O seu braço é teu escudo,/ Armadura em que te fias./ Não terás o que temer/ Nem de noite, nem de dia,/ Venha a flecha e o terror,/ Venha a peste, epidemia...

3 - Caiam mil junto de ti/ E dez mil vem ao teu lado,/ Nada vai te atingir,/ Não serás prejudicado.../ Com teus olhos hás de ver/ Qual dos maus o resultado;/ No Senhor tens teu refúgio,/ Nenhum mal terás passado!

4 - O Senhor mandou seus anjos/ Pra teus passos vigiarem;/ Eles te sustentarão/ Pra teus pés não tropeçarem.../ Os perigos mais temidos/ Sem temor vai enfrentá-los;/ “Já que a mim se confiou,/ cuidarei de resguardá-lo!”

 

 

NUVEM LUMINOSA

ENTÃO, DA NUVEM LUMINOSA DIZIA UMA VOZ:/ “ESTE É MEU FILHO AMADO, ESCUTEM SEMPRE O QUE ELE DIZ!”

1 - Transborda um poema do meu coração:/ Vou cantar-vos, ó Rei, esta minha canção.

2 - Sois tão belo, o mais belo entre os filhos dos homens!/ Porque Deus, para sempre, vos deu sua benção.

3 - Levai vossa espada de glória no flanco,/ Herói valoroso, no vosso esplendor;

4 - Saí para a luta no carro de guerra/ em defesa da fé, da justiça e verdade!

5 - Vosso trono, ó Deus, é eterno, sem fim;/ Vosso cetro real é sinal de justiça:

6 - Vós amais a justiça e odiais a maldade./ É por isso que Deus vos ungiu com seu óleo.

7 - Cantarei vosso nome de idade em idade,/ Para sempre haverão de louvar-vos os povos!


 

CANTO DE COMUNHÃO

Antes da morte e ressurreição de Jesus / Ele na ceia, quis se entregar.

Deu-se em comida e bebida para nos salvar.

E quando amanhecer / o dia eterno a plena visão, ressurgiremos por crer nesta vida escondida no pão. (2x)

Para lembrarmos a morte, a cruz do Senhor / nós repetimos, como Ele fez,

gestos, palavras, até que volte outra vez.

Este banquete alimenta o amor dos irmãos / e nos prepara a glória do céu.

Ele é a força na caminhada prá Deus.

Eis o pão vivo, mandado a nós por Deus Pai.

Quem o recebe, não morrerá. / No último dia vai ressurgir, viverá.

Cristo está vivo, ressuscitou para nós.

Esta verdade vai anunciar / a toda terra, com alegria, a cantar.

 

 

EU O RESSUSCITAREI

 

1 - Eu sou o pão da vida, o que vem a mim não terá fome. O que crê em mim não terá sede, ninguém vem a mim se o pai não o atrair.

EU O RESSUSCITAREI, ( 3X ) NO DIA FINAL!

2 - Eu sou o pão da vida, que se prova e não se sente fome. O que sempre beber do meu sangue, viverá em mim e terá a vida eterna.

3 - O pão que eu darei é meu corpo, vida para o mundo. O que sempre comer da minha carne viverá em mim como eu vivo no pai.

4 - Sim, meu Senhor, eu creio que vieste ao mundo a remi-lo, que tu és o Filho de Deus e que estás aqui, alimentando nossas vidas.

 

CRISTO, NOSSA PÁSCOA

Cristo, nossa páscoa, foi imolado, Aleluia!
Glória a Cristo, Rei, ressuscitado, Aleluia!

Páscoa sagrada! Ó festa de luz!
Precisas despertar: Cristo vai te iluminar!

Páscoa sagrada! Ó festa universal!
No mundo renovado é Jesus glorificado!

Páscoa sagrada! Vitória sem igual!
A cruz foi exaltada, foi a morte derrotada!

Páscoa sagrada! Ó noite batismal!
De tuas águas puras nascem novas criaturas!

Páscoa sagrada! Banquete do Senhor!
Feliz a quem é dado ser às núpcias convidado!

Páscoa sagrada! Cantemos ao Senhor!
Vivamos a alegria, conquistada em meio à dor!

 

A BARCA – Pe Zezinho

Tu, te abeiraste da praia, não buscaste  nem sábios nem ricos, somente queres que eu te siga.

 

Refrão: Senhor, tu me olhaste nos olhos, a sorrir / pronunciaste meu nome, lá na praia eu larguei o meubarco, junto a ti buscarei outro mar...

 

Tu sabes bem que em meu barco / eu não tenho nem ouro nem espadas, somente redes e o meu trabalho.

 

Tu, minhas mãos solicitas, / meu cansaço que a outros descanse, amor que almeja seguir amando.

 

Tu, pescador de outros lagos / ânsia eterna de almas que esperam, bondoso amigo que assim me chamas.

 

VEM EU MOSTRAREI

Vem eu mostrarei, que o meu caminho te leva ao Pai, / guiarei os passos teus e junto a ti hei de seguir. Sim, eu irei e saberei como chegar ao fim. / De onde vim, aonde vou / por onde irás, irei também.

Vem, eu te direi o que ainda estás a procurar. / A verdade é como o sol / e invadirá teu coração.

Sim, eu irei e aprenderei minha razão de ser. / Eu creio em ti que crês em mim / e à tua luz verei a luz.

Vem, e eu te farei da minha vida participar. / Viverás em mim aqui: viver em mim é o bem maior.

Sim, eu irei e viverei a vida inteira assim. / Eternidade é, na verdade, o amor vivendo sempre em nós.

Vem, que a terra espera quem possa e queira realizar,/ com amor a construção/ de um mundo novo muito melhor!

Sim, eu irei e levarei teu nome aos meus irmãos. / Iremos nós e o teu amor / vai construir, enfim, a paz.


MARIANOS

MÃE DO NOVO HOMEM

Singela doce e pura, Maria de José, Mãe terna e escolhida, És mãe leal da fé, seu nome é Maria de Deus.

Maria santa e fiel, ensina-nos a viver como escolhidos.
Olhos voltados para o céu e por eles construir a nova vida.

Mãe da obediência, da graça e do amor. Que os homens se encontrem. No Filho desta flor, seu nome é Maria de Deus

MARIA EXEMPLO DE AMOR

Que honra é para mim, chamar de minha mãe,
A mãe do meu Deus do meu Salvador.
Ensina-me, ó mãe, a caminhar na luz, seguindo os passos de Jesus. Aquele que tudo criou te escolheu você não vacilou.

Trouxe ao mundo o autor da vida, de ti nasceu Jesus.

Ensina-me a dizer o sim e aceitar os planos do Senhor. Ó mãe querida, és para mim, exemplo de amor, amor, amor.

QUEM É ESTA QUE AVANÇA

Quem é esta que avança como a Aurora.
Temível como exército em ordem de batalha,
Brilhante como o sol e como a lua, mostrando o caminho aos filhos seus. Ah, ah, minha alma glorifica ao Senhor, Meu Espírito exulta em Deus, meu Salvador.

MÃE DO CÉU MORENA

Mãe do céu morena, Senhora da América Latina. De olhar e caridade tão divina, de cor igual a cor de tantas raças. Virgem tão serena, Senhora destes povos tão sofridos, patronas dos pequenos e oprimidos, derrama sobre nós as tuas graças.

Derrama sobre os jovens tua luz, aos pobres vem mostrar o teu Jesus, ao mundo inteiro traz o teu amor de mãe. Ensina quem tem tudo a partilhar ensina quem tem pouco a não cansar e faz o nosso povo caminhar em paz.

Derrama esperança sobre nós, ensina o povo a não calar a voz. Desperta o coração de quem não acordou. Ensina que a justiça é condição de construir um mundo mais irmão e faz o nosso povo conhecer Jesus.

ENSINA TEU POVO A REZAR

Ensina teu povo a rezar, Maria mãe de Jesus,
Que um dia o teu povo desperta e na certa vai ver a luz. Que um dia o teu povo se anima e caminha com teu Jesus. Maria de Jesus Cristo, Maria de Deus , Maria mulher. Ensina a teu povo o teu jeito de ser o que Deus quiser. (2x) Maria Senhora nossa, Maria do povo, povo de Deus. Ensina o teu jeito perfeito de sempre escutar teu Deus. (2x)

AVE MARIA

Eu era pequeno, nem me lembro, só lembro que a noite ao pé da cama juntava as mãozinhas e rezava apressado, mas rezava como alguém que ama. Nas Ave-Marias que eu rezava eu sempre engolia umas palavras e muito cansado acabava dormindo, mas dormia como quem amava.

Ave Maria, Mãe de Jesus, o tempo passa não volta mais. Tenho saudade daquele tempo que eu te chamava de minha Mãe. Ave Maria, Mãe de Jesus. (bis)

Depois fui crescendo, eu me lembro, e fui esquecendo nossa amizade. Chegava lá em casa chateado e cansado, de rezar não tinha nem vontade. Andei duvidando, eu me lembro, das coisas mais puras que me ensinaram. Perdi o costume da criança inocente, minhas mãos quase não se ajuntavam.

O teu amor cresce com a gente e a Mãe nunca esquece o filho ausente. Eu chego lá em casa chateado e cansado, mas eu rezo como antigamente. Nas Ave-Marias que hoje eu rezo, esqueço as palavras e adormeço. E embora cansado e sem rezar como eu devo, eu, de te, Maria não me esqueço.

MAGNIFICAT, MAGNIFICAT

Magnificat, Magnificat. É o canto de amor. Minha alma engrandece a Deus, meu Salvador.

Canta coração, alegre e feliz, com gratidão a Deus bendiz. (bis)

Santo é seu nome que está em toda terra. Puro é seu amor que alegria encerra. (bis)

Nossa união é o milagre de amor vindo de Jesus, o nosso Salvador. (bis)

Deus é um Pai fiel, de ninguém esquece. Obrigado, Deus, ouve esta prece. (bis)

MARIA DE NAZARÉ

Maria de Nazaré, Maria me cativou. Fez mais forte a minha fé e por filho me adotou. Às vezes eu paro e fico a pensar e sem perceber me vejo a rezar. E meu coração se põe a cantar para virgem de Nazaré. Menina que Deus amou e escolheu para mãe de Jesus, o Filho de Deus, Maria que o povo inteiro elegeu, Senhora e Mãe do céu.

Ave Maria, Ave Maria, Ave Maria, Mãe de Jesus.

Maria que eu quero bem, Maria do puro amor. Igual a você ninguém, mãe pura do meu Senhor. Em cada mulher que a terra criou um traço de Deus Maria deixou um sonho de mãe Maria plantou pro mundo encontrar a paz. Maria que fez o Cristo falar, Maria que fez Jesus caminhar. Maria que só viveu para seu Deus, Maria do povo meu.
PROCISSÕES

O povo de Deus

1. O Povo de Deus, no deserto andava,/ Mas á sua frente alguém caminhava./ O povo de Deus era rico de nada,/ Só tinha esperança e o pó da estrada.

Também sou teu povo, Senhor,/ E estou nesta estrada:/ Somente tua graça/ Me basta e mais nada. (bis)

2. O Povo de Deus também vacilava;/ Às vezes custava a crer no amor./ O povo de Deus, chorando rezava,/ Pedia perdão e recomeçava.

Também sou teu povo, Senhor,/ E estou nesta estrada:/ Perdoa se às vezes,/ Não creio em mais nada. (bis)

3. O Povo de Deus também teve fome/ E Tu lhe mandaste o pão lá do céu./ O povo de Deus cantando deu graças,/ Provou teu amor, teu amor que não passa.

Também sou teu povo, Senhor/ E estou nesta estrada,:/ Tu és o alimento,/ Da longa jornada. (bis)

4. O Povo de Deus ao longe avistou/ A terra querida, que o Amor preparou./ O povo de Deus sorria e cantava/ E nos seus louvores,/ Seu poder proclamava.

Também sou teu povo, Senhor,/ E estou nesta estrada:/ Cada dia mais perto/ Da terra esperada. (bis)

ENCONTROS

SÓ EM TI VIVER

As coisas que o mundo oferecia,
me impediam de Te encontrar.
De ver que a vida é só em Ti,
mas Tu vieste e tocaste
Bem no fundo do meu coração, me ensinaste a Te amar.

Oh! Jesus, recebe então a minha vida,
Recebe as coisas que de Ti me afastam.
Pois só em Ti quero viver. (2x)

Agora, que o meu coração é Teu,
quero sempre Te louvar,
Tua vida transbordar.
Para que mais gente experimente,
teu amor nos transformando, Tua mão a nos tocar.

VENHO A TI

Venho a Ti e sei que não estou mais sozinho,
muitas vozes se elevam para o céu
Venho a Ti com aqueles irmão verdadeiros,
que comigo dão a Ti seus corações.

E Tu, que és o amor, escuta cada prece
de dor, de amor e Tu, que és a paz,
dá-nos a esperança em cada momento, Senhor... E abre o paraíso a nós (2x)

TEU SOU

Eu não sou nada e do pó nasci,
mas Tu me amas e morreste por mim.
Diante da cruz, só posso exclamar: Teu sou, Teu sou.

Toma minhas mãos, Te peço;
toma meus lábios, Te amo. Toma minha vida,
Ó Pai Teu sou, Teu sou. Teu sou, Teu sou . (2x)

Quando de joelho Te olho , Ó Jesus,
vejo Tua grandeza e minha pequenez.
Que posso dar-Te eu ? Só meu ser, Teu sou, Teu sou.

PODES REINAR

Senhor eu sei que é Teu este lugar,

todos querem Ti adorar, toma a tua direção.

Sim oh vem, oh Santo Espírito os

espaços preencher, reverência a Tua

voz vamos fazer.

Podes reinar, Senhor Jesus oh sim.

O Teu poder teu povo sentirá.

Que bom Senhor saber que estás

presente aqui, reina Senhor neste lugar.

Visita cada irmão oh meu Senhor,

dá-lhe paz interior e razões prá Ti louvar.

Desfaz todas tristezas, incertezas, desamor,

glorifica o Teu nome oh meu Senhor.

DEIXA A LUZ DO CÉU

Tu anseias, eu bem sei, por salvação,

tens desejo de banir a escuridão.

Abre pois, de par em par teu coração e

deixa a luz do céu entrar.

Deixa a luz do céu entrar.

Abre bem as portas do teu coração.

E deixa a luz do céu entrar.

Cristo, a luz do céu em ti, que habitar,

paras trevas do pecado dissipar.

Teu caminho e coração iluminar e deixa

a luz do céu entrar.

Que alegria andar ao brilho dessa luz.

Vida eterna e paz no coração produz.

Oh! Aceita agora o Salvador Jesus e deixa a

luz do céu entrar.

Jesus Cristo é o Senhor

Jesus Cristo é o Senhor, o Senhor, o Senhor./ Jesus Cristo é o Senhor,

Glória a ti, Senhor.

1. Da minha vida ele é o Senhor, Da minha vida ele é o Senhor, Da minha vida

Ele é o Senhor, Glória a ti, Senhor!

2. Do meu passado Ele é o Senhor, (3x) Glória a ti Senhor.

3. Do meu presente ele é o Senhor, (3x) Glória a ti Senhor.

4. Do meu futuro Ele é o Senhor, (3x) Glória a ti Senhor.

Queremos Deus

1. Queremos Deus, povo escolhido, em Jesus Cristo Salvador, que em seu amor tem reunido assim o justo e o pecador.

Refr. A todos nós, ó Virgem, firmes na fé guardai. Queremos Deus que é nosso Rei, Queremos Deus que é nosso Pai, queremos Deus que é nosso Rei, queremos Deus que é nosso Pai.

Sim, eu quero

Sim, eu quero que a luz de Deus/ Que um dia em mim brilhou/ Jamais se

esconda/ E não se apague em mim o seu fulgor./ Sim, eu quero que o meu

amor/ Ajude o meu irmão/ A caminhar guiado por tua mão/ Em tua lei, em

tua luz, Senhor.

1. Esta terra, os astros, o sertão em paz/ Esta flor e o pássaro feliz que vês/ Não sentirão,não poderão jamais viver/ esta vida singular que Deus nos dá.

2. Quando eu sou um sol a transmitir a luz/ E o meu ser é templo onde habita Deus,/ Todo o céu está presente dentro em mim/ Envolvendo-me na vida e no calor.

ENCENAÇÕES

A BÍBLIA É A PALAVRA DE DEUS

A bíblia é a palavra de Deus semeada no

meio do povo, que cresceu, cresceu e nos transformou, ensinando-nos viver num

mundo novo.

Deus é bom, nos ensina a viver.

Nos revela o caminho as seguir.

Só no amor partilhando seus dons,

Sua presença iremos sentir.

Somos povo, o povo de Deus,

e formamos o Reino de irmãos.

E a palavra que viva nos guia e alimenta

a nossa união.

FINAL
CANTOS DE EVANGELIZAÇÃO E IDA PARA MISSÃO
AGUARDEM

MARIANOS

MÃE DO NOVO HOMEM

Singela doce e pura, Maria de José, Mãe terna e escolhida, És mãe leal da fé, seu nome é Maria de Deus.

Maria santa e fiel, ensina-nos a viver como escolhidos.
Olhos voltados para o céu e por eles construir a nova vida.

Mãe da obediência, da graça e do amor. Que os homens se encontrem. No Filho desta flor, seu nome é Maria de Deus

MARIA EXEMPLO DE AMOR

Que honra é para mim, chamar de minha mãe,
A mãe do meu Deus do meu Salvador.
Ensina-me, ó mãe, a caminhar na luz, seguindo os passos de Jesus. Aquele que tudo criou te escolheu você não vacilou.

Trouxe ao mundo o autor da vida, de ti nasceu Jesus.

Ensina-me a dizer o sim e aceitar os planos do Senhor. Ó mãe querida, és para mim, exemplo de amor, amor, amor.

QUEM É ESTA QUE AVANÇA

Quem é esta que avança como a Aurora.
Temível como exército em ordem de batalha,
Brilhante como o sol e como a lua, mostrando o caminho aos filhos seus. Ah, ah, minha alma glorifica ao Senhor, Meu Espírito exulta em Deus, meu Salvador.

MÃE DO CÉU MORENA

Mãe do céu morena, Senhora da América Latina. De olhar e caridade tão divina, de cor igual a cor de tantas raças. Virgem tão serena, Senhora destes povos tão sofridos, patronas dos pequenos e oprimidos, derrama sobre nós as tuas graças.

Derrama sobre os jovens tua luz, aos pobres vem mostrar o teu Jesus, ao mundo inteiro traz o teu amor de mãe. Ensina quem tem tudo a partilhar ensina quem tem pouco a não cansar e faz o nosso povo caminhar em paz.

Derrama esperança sobre nós, ensina o povo a não calar a voz. Desperta o coração de quem não acordou. Ensina que a justiça é condição de construir um mundo mais irmão e faz o nosso povo conhecer Jesus.

ENSINA TEU POVO A REZAR

Ensina teu povo a rezar, Maria mãe de Jesus,
Que um dia o teu povo desperta e na certa vai ver a luz. Que um dia o teu povo se anima e caminha com teu Jesus. Maria de Jesus Cristo, Maria de Deus , Maria mulher. Ensina a teu povo o teu jeito de ser o que Deus quiser. (2x) Maria Senhora nossa, Maria do povo, povo de Deus. Ensina o teu jeito perfeito de sempre escutar teu Deus. (2x)

AVE MARIA

Eu era pequeno, nem me lembro, só lembro que a noite ao pé da cama juntava as mãozinhas e rezava apressado, mas rezava como alguém que ama. Nas Ave-Marias que eu rezava eu sempre engolia umas palavras e muito cansado acabava dormindo, mas dormia como quem amava.

Ave Maria, Mãe de Jesus, o tempo passa não volta mais. Tenho saudade daquele tempo que eu te chamava de minha Mãe. Ave Maria, Mãe de Jesus. (bis)

Depois fui crescendo, eu me lembro, e fui esquecendo nossa amizade. Chegava lá em casa chateado e cansado, de rezar não tinha nem vontade. Andei duvidando, eu me lembro, das coisas mais puras que me ensinaram. Perdi o costume da criança inocente, minhas mãos quase não se ajuntavam.

O teu amor cresce com a gente e a Mãe nunca esquece o filho ausente. Eu chego lá em casa chateado e cansado, mas eu rezo como antigamente. Nas Ave-Marias que hoje eu rezo, esqueço as palavras e adormeço. E embora cansado e sem rezar como eu devo, eu, de te, Maria não me esqueço.

MAGNIFICAT, MAGNIFICAT

Magnificat, Magnificat. É o canto de amor. Minha alma engrandece a Deus, meu Salvador.

Canta coração, alegre e feliz, com gratidão a Deus bendiz. (bis)

Santo é seu nome que está em toda terra. Puro é seu amor que alegria encerra. (bis)

Nossa união é o milagre de amor vindo de Jesus, o nosso Salvador. (bis)

Deus é um Pai fiel, de ninguém esquece. Obrigado, Deus, ouve esta prece. (bis)

MARIA DE NAZARÉ

Maria de Nazaré, Maria me cativou. Fez mais forte a minha fé e por filho me adotou. Às vezes eu paro e fico a pensar e sem perceber me vejo a rezar. E meu coração se põe a cantar para virgem de Nazaré. Menina que Deus amou e escolheu para mãe de Jesus, o Filho de Deus, Maria que o povo inteiro elegeu, Senhora e Mãe do céu.

Ave Maria, Ave Maria, Ave Maria, Mãe de Jesus.

Maria que eu quero bem, Maria do puro amor. Igual a você ninguém, mãe pura do meu Senhor. Em cada mulher que a terra criou um traço de Deus Maria deixou um sonho de mãe Maria plantou pro mundo encontrar a paz. Maria que fez o Cristo falar, Maria que fez Jesus caminhar. Maria que só viveu para seu Deus, Maria do povo meu.
PROCISSÕES

O povo de Deus

1. O Povo de Deus, no deserto andava,/ Mas á sua frente alguém caminhava./ O povo de Deus era rico de nada,/ Só tinha esperança e o pó da estrada.

Também sou teu povo, Senhor,/ E estou nesta estrada:/ Somente tua graça/ Me basta e mais nada. (bis)

2. O Povo de Deus também vacilava;/ Às vezes custava a crer no amor./ O povo de Deus, chorando rezava,/ Pedia perdão e recomeçava.

Também sou teu povo, Senhor,/ E estou nesta estrada:/ Perdoa se às vezes,/ Não creio em mais nada. (bis)

3. O Povo de Deus também teve fome/ E Tu lhe mandaste o pão lá do céu./ O povo de Deus cantando deu graças,/ Provou teu amor, teu amor que não passa.

Também sou teu povo, Senhor/ E estou nesta estrada,:/ Tu és o alimento,/ Da longa jornada. (bis)

4. O Povo de Deus ao longe avistou/ A terra querida, que o Amor preparou./ O povo de Deus sorria e cantava/ E nos seus louvores,/ Seu poder proclamava.

Também sou teu povo, Senhor,/ E estou nesta estrada:/ Cada dia mais perto/ Da terra esperada. (bis)

ENCONTROS

SÓ EM TI VIVER

As coisas que o mundo oferecia,
me impediam de Te encontrar.
De ver que a vida é só em Ti,
mas Tu vieste e tocaste
Bem no fundo do meu coração, me ensinaste a Te amar.

Oh! Jesus, recebe então a minha vida,
Recebe as coisas que de Ti me afastam.
Pois só em Ti quero viver. (2x)

Agora, que o meu coração é Teu,
quero sempre Te louvar,
Tua vida transbordar.
Para que mais gente experimente,
teu amor nos transformando, Tua mão a nos tocar.

VENHO A TI

Venho a Ti e sei que não estou mais sozinho,
muitas vozes se elevam para o céu
Venho a Ti com aqueles irmão verdadeiros,
que comigo dão a Ti seus corações.

E Tu, que és o amor, escuta cada prece
de dor, de amor e Tu, que és a paz,
dá-nos a esperança em cada momento, Senhor... E abre o paraíso a nós (2x)

TEU SOU

Eu não sou nada e do pó nasci,
mas Tu me amas e morreste por mim.
Diante da cruz, só posso exclamar: Teu sou, Teu sou.

Toma minhas mãos, Te peço;
toma meus lábios, Te amo. Toma minha vida,
Ó Pai Teu sou, Teu sou. Teu sou, Teu sou . (2x)

Quando de joelho Te olho , Ó Jesus,
vejo Tua grandeza e minha pequenez.
Que posso dar-Te eu ? Só meu ser, Teu sou, Teu sou.

PODES REINAR

Senhor eu sei que é Teu este lugar,

todos querem Ti adorar, toma a tua direção.

Sim oh vem, oh Santo Espírito os

espaços preencher, reverência a Tua

voz vamos fazer.

Podes reinar, Senhor Jesus oh sim.

O Teu poder teu povo sentirá.

Que bom Senhor saber que estás

presente aqui, reina Senhor neste lugar.

Visita cada irmão oh meu Senhor,

dá-lhe paz interior e razões prá Ti louvar.

Desfaz todas tristezas, incertezas, desamor,

glorifica o Teu nome oh meu Senhor.

DEIXA A LUZ DO CÉU

Tu anseias, eu bem sei, por salvação,

tens desejo de banir a escuridão.

Abre pois, de par em par teu coração e

deixa a luz do céu entrar.

Deixa a luz do céu entrar.

Abre bem as portas do teu coração.

E deixa a luz do céu entrar.

Cristo, a luz do céu em ti, que habitar,

paras trevas do pecado dissipar.

Teu caminho e coração iluminar e deixa

a luz do céu entrar.

Que alegria andar ao brilho dessa luz.

Vida eterna e paz no coração produz.

Oh! Aceita agora o Salvador Jesus e deixa a

luz do céu entrar.

Jesus Cristo é o Senhor

Jesus Cristo é o Senhor, o Senhor, o Senhor./ Jesus Cristo é o Senhor,

Glória a ti, Senhor.

1. Da minha vida ele é o Senhor, Da minha vida ele é o Senhor, Da minha vida

Ele é o Senhor, Glória a ti, Senhor!

2. Do meu passado Ele é o Senhor, (3x) Glória a ti Senhor.

3. Do meu presente ele é o Senhor, (3x) Glória a ti Senhor.

4. Do meu futuro Ele é o Senhor, (3x) Glória a ti Senhor.

Queremos Deus

1. Queremos Deus, povo escolhido, em Jesus Cristo Salvador, que em seu amor tem reunido assim o justo e o pecador.

Refr. A todos nós, ó Virgem, firmes na fé guardai. Queremos Deus que é nosso Rei, Queremos Deus que é nosso Pai, queremos Deus que é nosso Rei, queremos Deus que é nosso Pai.

Sim, eu quero

Sim, eu quero que a luz de Deus/ Que um dia em mim brilhou/ Jamais se

esconda/ E não se apague em mim o seu fulgor./ Sim, eu quero que o meu

amor/ Ajude o meu irmão/ A caminhar guiado por tua mão/ Em tua lei, em

tua luz, Senhor.

1. Esta terra, os astros, o sertão em paz/ Esta flor e o pássaro feliz que vês/ Não sentirão,não poderão jamais viver/ esta vida singular que Deus nos dá.

2. Quando eu sou um sol a transmitir a luz/ E o meu ser é templo onde habita Deus,/ Todo o céu está presente dentro em mim/ Envolvendo-me na vida e no calor.


ENCENAÇÕES

A BÍBLIA É A PALAVRA DE DEUS

A bíblia é a palavra de Deus semeada no

meio do povo, que cresceu, cresceu e nos transformou, ensinando-nos viver num

mundo novo.

Deus é bom, nos ensina a viver.

Nos revela o caminho as seguir.

Só no amor partilhando seus dons,

Sua presença iremos sentir.

Somos povo, o povo de Deus,

e formamos o Reino de irmãos.

E a palavra que viva nos guia e alimenta

a nossa união.




Todos os direitos reservados 2014- WWW.PALESTRASCATOLICAS.COM.BR


PALESTRAS CATÓLICAS